Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Acordo todos os dias!

Acordo todos os dias! Despenteada mas sempre gira. Sorriso na cara, boa disposição e lá vamos nós... que a vida não espera! Pronto e agora.... também no Instagram 😁

Acordo todos os dias!

Acordo todos os dias! Despenteada mas sempre gira. Sorriso na cara, boa disposição e lá vamos nós... que a vida não espera! Pronto e agora.... também no Instagram 😁

Começo a ver a luz...

Julho 01, 2021

não a luz que abre as portas do céu, se bem que eu devo ir para o inferno, LOLOL,  colocar aquilo em ordem e por o gestor do pedaço, aka, diabo, a milhas! Só não o expulso ser for tipo Lúcifer Morningstar 😂
GIF animado
 
O distanciamento do divórcio e de toda a merdice envolvente trouxe-me clarividência.
As práticas do "fodasse", do "whatever" ou "fica lá com o copos e os pratos" ajudam a não reagir a quente e a parar para pensar se vale a pena ou não reagir... a maior parte não vale a pena perder tempo. 
Com esta atitude distanciei-me de algumas pessoas, no início fez-me alguma confusão não fazer parte do "grupo" mas agora fico toda contente por assim ser. Não ando em "reuniões de condomínio" e adoro. Fiquei mais seletiva nas pessoas com quem me dou e tem corrido bem... poucos mas bons. Antes qualidade que quantidade. Até as redes socias levaram limpeza brutal, foi uma maravilha eliminar e até bloquear certas almas, até porque estou menos ativa nas redes sociais.
O que me dá mais gozo é perceber a curiosidade à minha volta e eu a fazer-me de desentendida. Love it, ahahahah.
Francamente estou-me nas tintas para a vida das outras pessoas, tenho a minha para me entreter. 

"Assim estás melhor"

Junho 11, 2021

O processo de divórcio é do caraças. Quando há filhos ainda é mais doloroso. 

No meu caso foi e anda tive de lidar com o processo de partilhas... adiante, já tá. 

Lembro-me bem do dia em que foi dito aos miúdos que os pais se iam divorciar, foi um abrir de chão para eles e para mim como mulher e, naquele preciso momento, como mãe de duas crianças verdadeiramente fora de série. 

Foi um processo muito duro e nem sempre fui capaz de esconder deles os olhos inchados de tanto chorar e de não dormir e a magreza quase extrema! 

Já passou, já passou... (perdoem-me o momento Frozen lolololol)

Muitas vezes pensei em desistir  mas depois olhava para eles e as forças vinham sabe-se lá de onde. 

A fazer 3 anos desde que aquele mundo começou a ruir. 

Eu não ruí, saí reforçada e empoderada.

Quando, do alto dos seus 10 anos, a minha fofa de me diz "mãe, estás melhor assim, feliz e sem o pai", tenho a certeza que tomei as decisões certas e que estou no bom caminho a educar a minha filha para ser uma mulher cada vez mais especial. 

 

Sou a super mulher!

Novembro 02, 2020

Uma alma em processo de divórcio, lavada em lágrimas, lamentava-se que não tinha com quem partilhar as decisões da vida, porque é tudo muito duro, tratar sozinha dos filhos, tratar da revisão do carro, blá blá blá... (cada caso é um caso e sei que neste  não há motivo para tanta queixa)! Confesso que a paciência me escasseia para dramatismos! Não há pachorra e a diplomacia quase desaparece na hora de mandar estes casos para o caraças mais velho. 

PQP!!!! Eu e tantas outras tivemos alguém que ao fim do dia nos abraçasse e nos confortasse? Não e não morremos! Quantas de nós nos refizemos à custa de muita noite sem dormir a colar cada pedacinho?

Faz-te à vida e deixa de achar que só tu tens problemas grandes e importantes... todos os temos, a diferença é que os resolvemos sem importunar quem está ao lado e muitas vezes escondendo o sofrimento que nos vai na alma

Tenho super poderes, eu e todas as mulheres que pegaram nelas e superaram um divórcio desgastante! Deixamos de sobreviver para começar a viver 

Marriage Story

Dezembro 17, 2019

Falemos sobre o filme do momento... Vi, não chorei e devo ter algum problema porque não achei nada de especial... Identifiquei-me com a parte em que a personagem feminina diz que se anulou para se tornar a mulher de X e a mãe de Y, perdeu a identidade como mulher... como a entendo... um casamento de 10 anos a viver para a minha a minha família… Agora tenho vontade de me esbofetear ao ver como fui tola em me anular, aprendi a lição e como boa aluna aprendo depressa :) a minha auto estima está em cima! No filme é retratado um marido controlador com a mania que tem sempre razão e nunca dá o braço a torcer… sei bem como é! Mas na cabeça dele faz tudo bem e tem sempre razão… pois bem, meu caro, não só não tens sempre razão, como não és o senhor da verdade e fizeste merda até mais não! Passemos à parte da traição... segundo o "dono da verdade", a mulher não devia estar preocupada com a traição simples e pura mas sim com o facto de ele se ter divertido com a amante porque com a mulher já não o fazia!!! Oh burro! E por acaso paraste para perceber o porquê da tua mulher estar assim?! Claro que não... é mais fácil ir atrás de um rabo de saia, um escape que estava ali mesmo à mão de semear... a opção mais fácil é a fuga e não parar para resolver! Cobardia... Venham os críticos dizer mal de mim, que pareço uma recalcada... não sou nem nunca fui... não tenho tempo a perder como isso... mas tenho excelente memória... posso até perdoar mas esquecer nunca... sou escorpião, ahahahahah Um divórcio é sempre muito complicado, principalmente quando há filhos envolvidos… e as situações a que eles foram expostos estão-me gravadas a ferro e essas não perdoo, nunca! Mas como sou paciente sei que o Karma é lixado :) O filme termina com uma verdade, algo do género "vou amar-te sempre mas agora já não faz sentido" não faz sentido por uma razão simples… o homem porque quem me apaixonei já não existe e eu já não sou a mesma mulher (e ainda bem).

Más línguas

Julho 03, 2019

É lamentável que algumas pessoas, que são verdadeiros prodígios a fazer juízos de valores, se afastem de nós quando o estado civil passa a ser “divorciada”! Apenas lamento por essas pessoas… por uma razão simples… estão presas a um casamento do qual não saem por vergonha e medo do que a sociedade poderá dizer. Não me fazem falta!

Que se dane a sociedade, os juízos de valor e os preconceitos.

Acima de tudo está o compromisso comigo mesma! Euzinha!

Se ando feliz da vida? Oh pá… estou no bom caminho e isso parece incomodar muita gente, mas cada vez dou menos importância à opinião dos outros.

Gosto do que vejo ao espelho e agradeço todos os dias 😊

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub